Hanging Lake, natureza imperdível no Colorado (EUA)
maio 15, 2019
10 dicas para você explorar melhor a Nova Zelândia
maio 23, 2019
Exibir tudo

7 lugares pouco conhecidos na Argentina que merecem entrar em seu roteiro

Salta

Salta é o nome de uma província Argentina, assim como sua capital. Localizada no norte do pais, na Cordilheira dos Andes, a região não é tão famosa entre os brasileiros, que certamente não sabem o que estão perdendo. Por lá, incríveis paisagens naturais aguardam o turista aventureiro – alguns exemplos são o Parque Nacional Los Cardones, cheio de cactos, a a avermelhada paisagem da Quebrada de Las Conchas.

Um passeio imperdível é o Tren a las Nubes, que leva os viajantes cordilheira acima, atingindo mais de quatro mil metros de altitude, quase nas nuvens, como sugere o nome.

Já para os mais cosmopolitas, a cidade de Salta é perfeita para comer bem, explorar museus e curtir uma cultura diferente da argentina que conhecemos, enquanto a Cafayate, também na província, é uma cidade perfeita para quem gosta de relaxar e tomar bons vinhos.

La Rioja

A província de La Rioja, com capital de mesmo nome, é outra região argentina subestimada. Ao lado de Salta, ela compartilha com a vizinha as Cordilheiras dos Andes e suas fascinantes paisagens avermelhadas. Um ponto de interesse imperdível é o Parque Nacioal Talampaya (foto).

O parque guarda espetaculares formações rochosas e cores quentes que são capazes de impressionar até o mais difícil dos turistas – é realmente difícil de acreditar que tais paisagens possam estar tão perto do Brasil. Prepare-se para admirar incríveis penhascos e cânions.

De lá, siga para o Parque Porovincial de Ischigualasto, que também guarda formações rochosas difíceis de acreditar e compõe, com o primeiro, um Patrimônio da Humanidade da Unesco. A cidade em si não tem muito o que fazer, mas é consideravelmente charmosa e uma boa parada para quem viajar entre Mendoza e Salta.

La Payunia

A Reserva Provincial La Payunia é outro dos espetaculares destinos que comprovam que aqueles que vão ao país somente por Buenos Aires ou Bariloche estão perdendo e muito.

Localizado na famosa província de Mendoza, o parque concentra mais de 800 cones vulcânicos (uma das maiores concentrações do mundo).

Dada essa grande quantidade de vulcões, pela ação da lava e dos minérios, o solo da região é preto, o que garante paisagens de outro mundo.

Muitos roteiros turísticos partem da simpática cidade de Malargüe e oferecem diversas possibilidades, desde passeios a pé até a cavalo, todos com fotografias incríveis garantidas.

Quebrada de Humahuaca

Localizado na também fantástica província de Jujuy, no norte do país, a Quebrada de Humahuaca é um vale com paisagens naturais que encantam qualquer um, além de simpáticas cidades históricas e até ruínas de povos pré-colombianos.

Não à toa, é um Patrimônio da Humanidade da Unesco. Um de seus principais atrativos são as Serranías del Hornocal, as montanhas coloridas da foto, mas outros pontos imperdíveis são Pucará de Tilcara, um sítio arqueológico com mais de mil anos de idade, cheio de casinhas feitas de pedra e estruturas de formato piramidal, além da pequenina vila de Purmamarca.

Salinas Grandes

Localizada entre as já citadas províncias de Salta e Jujuy, as Salinas Grandes são as primas menos conhecidas do Salar de Uyuni, na Bolívia, apesar de serem também muito impressionantes. Distando menos de 70 km da cidade de Purmamarca, o local é um extenso deserto de sal, onde antes houve um lago, e hoje garante espetaculares paisagens — além de sal para a população local.

Campo de Piedra Pómez

O Campo de Piedra Pómez é uma região protegida também na região norte do país, na Cordilheira dos Andes, na província de Catamarca. Como o nome sugere, a paisagem é marcada por uma grande concentração de piedras pómez ou, em português, pedras-pomes, uma rocha vulcânica produzida na fase de liberação dos gases presentes na lava.

Graças a essas pedras brancas, a região tem cenários únicos na América Latina. O destino é indicado para os mais aventureiros, uma vez que é consideravelmente isolado, e a cidade mais próxima do local é a pequena El Peñon, que não tem mais de vinte ruas, mas uma quantidade surpreendente de opções de acomodação.

Ushuaia

Ushuaia é a capital da região conhecida como Tierra del Fuego e é considerada a cidade mais ao sul do mundo. Uma vez lá, você está mais perto da Antártida do que todo o resto do mundo, e muitas excursões para o continente de gelo saem dali.

A maior parte dos turistas que chega à cidade vai de cruzeiro, saindo de outras regiões da Argentina ou mesmo do Brasil. Os principais atrativos turísticos são paisagens de outro mundo que incluem fiordes, geleiras e montanhas nevadas.

Lá também é possível praticar uma variedade de esportes de neve e admirar pinguins. No Parque Nacional Tierra del Fuego, você pode pegar o famoso Trem do Fim do Mundo, um trem turístico onde você pode aprender mais sobre a geografia e história da região.

 

Fonte: Guia da Semana / Foto da capa: Shutterstock

 

Ficou com vontade? Fala com a gente! Iremos preparar um pacote especial para você conhecer estes lugares maravilhosos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *